Palestra no Global Azure BOOTCAMP 2019!!!

Buenas!!
No ultimo sábado (27/04/2019) tive a grande oportunidade de palestrar com meu amigo Deivid Soares, voluntariamente no Global Azure BOOTCAMP 2019. Nesta palestra explicamos e demonstramos o conceito de Infraestrutura como Código (IaC) utilizando o Azure DevOps.


Continue lendo “Palestra no Global Azure BOOTCAMP 2019!!!”

Como estimar custos para replicar seu ambiente com o ASR em uma solução de Desastre e Recuperação no MS Azure.

Buenas pessoal!!

Vocês sabem como estimar os custos necessários para utilizar o Azure Site Recovery (ASR)??? Não??? Vamos lá…

Vou lhes demonstrar abaixo uma forma fácil e de fácil entendimento.

Como todos sabem, uma das soluções para desastre e recuperação presentes no Microsoft Azure, é o ASR, através dele, é possível replicar as suas Máquinas Virtuais (VMs) de ambientes OnPremisses (Físico, VMware, Hyper-v), entre datacenters do próprio MS Azure, como também ele realiza orquestração de clusters VMware e Hyper-v.

Continue lendo “Como estimar custos para replicar seu ambiente com o ASR em uma solução de Desastre e Recuperação no MS Azure.”

Suporte do Azure Backup para o SQL Server em máquinas virtuais (VMs)

Buenasss!!

Agora foi liberado para todas as regiões do Microsoft Azure, o backup do SQL Server instalado em uma máquina Virtual (VM), através do Azure Backup. O Azure Backup para SQL Server em máquinas virtuais, é uma maneira simplificada e moderna para realizar os backups dos bancos de dados em uma solução em nuvem. É uma plataforma como serviço, ou seja, sem a necessidade de se envolver com infraestrutura e com uma alta escalabilidade.  Através desta ferramenta, podemos realizar o backup de uma instancia standalone como também de banco de dados em AllwaysOn, possuindo um gerenciamento e monitoramento centralizado.

 
Backup SQL Server
Link do artigo original para maiores detalhes: https://azure.microsoft.com/en-us/blog/azure-backup-for-sql-server-in-azure-virtual-machines-now-generally-available/

Liberado suporte de replicação "AZURE to AZURE" para VMs com S2D

Buenas Pessoal!!
Agora é possível configurar através do Azure Site Recovery, a replicação de VMs que utilizam o S2D (Storage spaces direct), armazenamento definido por software.
Abaixo um exemplo representado de duas VMs no Azure com failover cluster usando S2D:
storagespacedirect
Continue lendo “Liberado suporte de replicação "AZURE to AZURE" para VMs com S2D”

Mudanças no suporte a Linux do ASR

Buenas, pessoal!!
Tivemos algumas mudanças no suporte a distribuições linux no Azure Site Recovery, seguem as mesmas abaixo:

  • O ASR passa a suportar RedHat Enterprise Linux (RHEL) e Cent)S 7.5, 6.10, e 7.6.
  • Adicionado suporte para SUSE Linux Enterprise Server 12 (até o SP3) até julho 2018.
  • ASR passa a suportar o Cent)S 6.10 de Agosto/2018 para frente
  • Adicionado suporte para as ultimas versões do Oracle Enterprise Linux, 6.8, 6.9, 7.0 até 5.5 .
  • Para Ubunto, SUSE Linux Enterprise Server 12 e versões de Debian, são realizados updates frequentes para certificar o suporte aos Kernels mais recentes.

Link original do Artigo MS: https://azure.microsoft.com/en-us/blog/azure-site-recovery-disaster-recovery-as-service-for-azure/

Instalando manualmente o WALinuxAgent em servidores linux que são replicados via ASR para o Azure

Olá pessoal.
Aqui vai um tutorial muito útil, que muitas vezes se faz necessário a instalação manual do agent do Azure nas máquinas virtuais que serão replicadas pelo ASR (Azure Site Recovery).
Vou lhes demonstrar abaixo um passo a passo, realizando a instalação em um servidor Linux com a distribuição CentOS 7.5.
Continue lendo “Instalando manualmente o WALinuxAgent em servidores linux que são replicados via ASR para o Azure”

Alta Disponibilidade para suas Aplicações com Traffic Manager no Azure

Logo_traffic-manager

Olá Pessoal,
Hoje estou trazendo para vocês o Traffic Manager, ótima solução que possibilita o roteamento de tráfego baseado em DNS, sendo para failover, desempenho, acesso geográfico ou round robin ponderado.

  • Prioridade: Priorizar um ponto de extremidade e os demais ficam em standby de acordo com a prioridade configurada.
  • Ponderado: Quando houver a necessidade de distribuir o tráfego entre um conjunto de pontos de extremidade, seja uniformimente ou de acordo com pesos definidos.
  • Desempenho: Quando tiver pontos de extremidade em regiões diferentes e usuários finais distribuídos nessas regiões, priozando a conexão de cada um, de acordo com o ponto de extremidade “mais próximo”.
  • Geográfico: Os usuários serão direcionados para pontos de extremidade específicos (Azure, Externo ou Aninhado), com base nas consultas de DNS originadas. Continue lendo “Alta Disponibilidade para suas Aplicações com Traffic Manager no Azure”

Hyper-V virtualizado em uma VM (Nested Virtualization) no Azure

Nested VirtualizationFalaa Galera, tudo bem?!!
Vocês sabiam que é possível ter um hyper-v virtualizado dentro de uma Máquina Virtual no Azure (Nested Virtualization)? Ou até mesmo utilizar este mesmo hyper-v para executar seus containers com Docker ? Esta ideia é interessante (geralmente para fins de teste), quando se quer um ambiente de servidores como se fosse no ambiente on-premisses, onde se tem a necessidade de ter a gerência do host Hyper-V.
Continue lendo “Hyper-V virtualizado em uma VM (Nested Virtualization) no Azure”

Public Preview – Disco Ultra SSD no Azure

UltraSSDDisks
Galera, Microsoft não para, acabaram de lançar o Ultra SSD, suportando até 160MIL IOPs!!! Caramba!! Eles irão de 4GB até 64TB para armazenamento dos dados, possuindo menos de 1ms leitura/escrita de latência. Estes discos foram desenvolvidos para ambientes de trabalho como SAP, SQL, ORACLE e etc… que demandam grandes quantidades de IOPs e  grandes quantidades de transações.
Disco Gerenciado Ultra SSD:

Ultra SSD

Link Oficial com maiores detalhes: https://azure.microsoft.com/pt-pt/blog/announcing-ultra-ssd-the-next-generation-of-azure-disks-technology-preview/

PublicPreview: Microsoft surpreendendo com novos tamanhos de discos no Azure…Até 32TB com 20mil IOPs em um único disco!!!

Disk_Image

Eaii galeraaa, Microsoft surpreendendo com uma grande noticia para o armazenamento no Microsoft Azure, agora podemos contar com os “Large Disks” ou no português: “Discos Grandes”. Teremos a possibilidade de ter em um único disco para dados,  até 32TB para armazenamento, contando com incríveis 20mil IOPS, isso mesmo, 20mil IOPs, bastante coisa né?

Continue lendo “PublicPreview: Microsoft surpreendendo com novos tamanhos de discos no Azure…Até 32TB com 20mil IOPs em um único disco!!!”